A biblioteca como ambiente democrático: as contribuições das atividades literárias nas bibliotecas do Sesc em Minas Gerais

Ana Paula de Rezende, Ana Maria Pinheiro Lima

Resumo


O Serviço Social do Comércio – Sesc, empresa privada mantida pelos empresários trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo e que tem como objetivo proporcionar o bem-estar e a qualidade de vida aos trabalhadores deste setor e sua família, está presente em todos os estados brasileiros e promove ações no campo de educação, saúde, cultura, lazer e assistência. Atua oferecendo serviços que fortalecem o exercício da cidadania e contribuem para o desenvolvimento socioeconômico e cultural. Nesse viés, disponibiliza Bibliotecas com atendimento a faixas etárias e classes sociais variadas. Com o intuito de promover o uso das Bibliotecas e seus acervos e para cumprir o desafio de torna-los acessíveis de forma inclusiva e democrática, em Minas, a partir do ano 2015, iniciaram diversas atividades literárias. Foram desenvolvidas ações e atividades gratuitas para divulgação dos serviços das Bibliotecas, bem como mediação da leitura para formação de novos leitores, promoção e competência informacional, visando instrumentalizar os leitores a buscar informação com autonomia, pois além da preocupação de disponibilizar os livros, há também em trabalhar com critérios específicos na seleção do acervo para utilização nas atividades que façam sentido ao leitor e assim, possam construir novas formas de interpretação dos temas, contribuindo para torná-los cidadãos conscientes e críticos.

Palavras-chave


Bibliotecas - Programas culturais; Incentivo à leitura; Democracia e Educação; Democracia cultural

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.