Biblioterapia e a face terapêutica do bibliotecário

Karin Vanelli, Carla Sousa

Resumo


Apresentamos uma experiência de Biblioterapia vivida na Biblioteca da Universidade Estadual de Santa Catarina, Unidade Balneário Camboriú. A atividade foi desenvolvida dentro da programação do Setembro Amarelo, campanha brasileira de prevenção ao suicídio. A atividade denominada ‘Sessões de Biblioterapia: Leitura e relaxamento’ abordou o tema da ansiedade a partir de dois contos e um poema. Foi possível constatar que as sessões oportunizaram contato com outras facetas do bibliotecário. Por meio da leitura e da literatura, o cuidado se processa no âmbito da Biblioterapia e a face do cuidador pode se revelar no bibliotecário. Concluímos que, se tomarmos o cuidado por uma restauração do bem-estar, em alguma instância a Biblioterapia é o lugar onde é possível cuidar do Ser Humano na Biblioteconomia

Palavras-chave


biblioterapia biblioteca universitária

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.