A Carreira do Bibliotecário frente a Empregabilidade no Século XXI

Angelica Cintra Fermann, Adriana Maria Souza

Resumo


A ideia para este trabalho surgiu, a partir do aumento da exposição do tema sobre o emprego do futuro, na Era do Conhecimento por canais de massa e pelo desejo de compreender a relação entre carreira e emprego do bibliotecário com as vagas ocupadas por outros profissionais nos Serviços de Informação.
O plano de carreira do bibliotecário demonstra ser muito restrito frente a outras áreas do conhecimento, em que os serviços de recrutamento e de seleção nos parece estarem mais preparados para identificar, apoiar e absorver o seu desenvolvimento, mas não são identificadas como sendo deste profissional.
As mudanças ocorridas nos cenários econômico e social neste século XXI, provocam verdadeiras revoluções no ambiente organizacional, requerendo pessoas eficazes e dinâmicas - a prática de carreiras sem fronteiras já é uma realidade.
O Bibliotecário passa a ter múltiplos espaços de atuação e as competências e habilidades adquiridas no decorrer da formação, nem sempre garantem segurança absoluta para a atuação propriamente dita.
Este projeto de pesquisa prevê como procedimento metodológico aplicar o diagnóstico de âncoras de carreira , de Edgar H. Schein, em dois ambientes – na universidade e em empresas que atuam no recrutamento e na seleção de profissionais Bibliotecários.
Com os resultados espera-se lançar um olhar sobre como o bibliotecário do século XXI pode ter maior engajamento no mercado de trabalho e segurança, de que ainda no ambiente acadêmico, é possível se preparar melhor para gerir e planejar sua carreira, a partir de autopercepção e aspiração profissional.

Palavras-chave


Carreira; Bibliotecário; Empregabilidade; Século XXI

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.