Acessibilidade informacional no Sistema de Bibliotecas da Universidade Federal do Ceará: relato de criação e implantação da Seção de Atendimento à Pessoa com Deficiência

Clemilda Dos Santos Sousa, Giordana Nascimento de Freitas e Silva, Francisco Jonatan Soares, Ana Elizabeth Albuquerque Maia, Alanna Larisse Saraiva de Farias

Resumo


Ao longo de dez anos, a Universidade Federal do Ceará (UFC) vem desempenhando diversas ações no sentido de promover não somente o ingresso das pessoas com deficiência, mas uma permanência de qualidade. Com a política de cotas, no ano de 2018, houve um aumento no ingresso de alunos com deficiência na universidade, o que resultou no crescimento da demanda por materiais em formato acessível, principalmente por pessoas cegas. O Sistema de Bibliotecas da UFC percebeu, então, a necessidade de ampliação do atendimento ao público em foco. Dessa forma, surgiu a Seção de Atendimento à Pessoa com Deficiência (SAPD), como uma resposta a essa demanda. Nessa perspectiva, este trabalho objetiva relatar a experiência de criação e implantação da SAPD, bem como dos nove núcleos de acessibilidade inseridos em cinco bibliotecas da capital e quatro do interior do estado. Com efeito, buscou-se descrever as ações realizadas em rede a partir do estabelecimento de três eixos de atuação: planejamento e gestão, formação e eventos. Ademais, acredita-se que o trabalho desenvolvido tem sido profícuo, haja vista termos percebido que a comunidade atendida tem se sentido acolhida para demonstrar suas necessidades e satisfeitas com o aprendizado obtido a partir dos documentos recebidos. Destarte, ponderamos que o contato com os usuários tende a crescer progressivamente à medida que os serviços disponibilizados são divulgados no dia a dia da universidade.

Palavras-chave


Acessibilidade. Biblioteca universitária. Gestão de bibliotecas. Inclusão.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.