A interação como artefato para cocriar valor em Biblioteca universitária

Raquel Alexandre de Lira

Resumo


O processo de ensino-aprendizagem, pesquisa e extensão na universidade passa por diversas mudanças. Consequente esse novo cenário exige das Bibliotecas Universitárias (BUs) um papel proativo. As BUs precisam evoluir e deixar de ser simples centro de gestão e acesso a recursos impressos, para tornarem-se locais de encontros, onde os diversos atores da comunidade universitária passam a interagir e compartilhar experiências e conhecimentos. Diante desse cenário, o estudo apresenta uma reflexão dos processos de interação e a sua relevância como base para a cocriação de valor em BU. A pesquisa é caracterizada como bibliográfica, de caráter exploratório, com análise qualitativa baseada no método de revisão integrativa. O estudo expõe um resumo do estado da arte em relação à temática cocriação de valor em biblioteca. Os resultados preliminares ratificam que a interação é o artefato central, e mais relevante quando se pensa em cocriação de valor em BU.

Palavras-chave


Biblioteca Universitária. Cocriação de valor. Cocriação em biblioteca. Interação. Interação em biblioteca

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.