O uso do aparelho celular no inventário de acervo: a experiência da Biblioteca Setorial do Escritório de Aplicação de Assuntos Jurídicos da UEL

ELIANE MARIA DA SILVA JOVANOVICH, Suelen Souza Souza

Resumo


A atividade foi desenvolvida na Biblioteca Setorial do Escritório de Aplicação de Assuntos Jurídicos (BSEAAJ) da Universidade Estadual de Londrina (UEL), descreve de maneira breve o processo para inventariar o acervo bibliográfico com o uso do smatphpone. Foi necessária a parceria do Sistema de Bibliotecas (SB/UEL) com um funcionário da Divisão de Fiscalização de Patrimônio para desenvolver o aplicativo e posteriormente liberar para o sistema. A bibliotecária da BSEAAJ recebeu as instruções das bibliotecárias da Biblioteca Central e, utilizando o seu smartphone particular fez download do aplicativo e instruiu a técnica da biblioteca. Foi necessário conferir o acervo corrente e o acervo do depósito onde ficam os materiais de desbaste. Na sequência foram lidos os códigos de barras pelos celulares dos mais de 3.900 exemplares, os dados coletados foram armazenados no aparelho em arquivos e enviados por e-mail para a Biblioteca Central onde foi gerado um relatório. Com o relatório pronto, os livros que apresentaram algum problema foram verificados e corrigidos. O inventário da BSEAAJ foi feito por 1 bibliotecário e 1 técnica, ambas autorizaram que fosse realizado o inventário com seus aparelhos celulares particulares. Para a atividade foram gastos 12 horas, ou seja, um dia e meio, algo que nos inventários anteriores o período foi maior, inclusive no inventário manual durou 7 dias. O uso da tecnologia e ferramentas como o telefone celular podem propiciar praticidade no desenvolvimento das atividades o que é um ganho para a área e uma grande aliada para o bibliotecário na questão da inovação.

Palavras-chave


1. Aparelho celular e biblioteca 2. Tecnologia móbile e Inventário de acervo. 3. Biblioteca jurídica - Inventário de acervo 5. Tecnologia de Informaçã

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.