Direitos autorais e Ciência Aberta: estudo do Repositório de dados do Consórcio Madroño

Elizabete Cristina de Souza de Aguiar Monteiro, Ricardo César Sant'Ana

Resumo


No contexto da Ciência Aberta, a gestão de dados de pesquisa tem novos fatores em sua agenda os quais incluem os princípios FAIR (Findable, Accessible, Interoperable, Reusable) em relação aos dados e aos metadados. O ecossistema FAIR é composto por políticas que regulamentam e definem os dados, os planos de gestão de dados, os identificadores persistentes, os padrões, os repositórios e os serviços em nuvem. Aderir a esses princípios contribui com a produção científica aberta, oferecendo sustentação legal e propiciando o reuso. A partir desse contexto o objetivo dessa pesquisa é identificar as convergências e divergências entre a operacionalização do repositório de dados e-cienciaDatos relacionada aos direitos autorais dos dados e os princípios da Ciência Aberta e FAIR. Foi empregada a pesquisa documental e exploratória e o método de estudo de caso com uso de entrevistas e questionários para a coleta dos dados. Conclui-se que há convergências entre o repositório de dados, a Ciência Aberta e os princípios FAIR no fator direitos autorais e que os repositórios contribuem com a integridade ética na disponibilização e reuso dos dados.

Palavras-chave


Direitos autorais de dados. Repositório de dados. Dados científico. Ciência Aberta. Princípios FAIR

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.