Catalogação de partituras: o tratamento da informação musical segundo o AACR2 e a RDA

Daniela de Oliveira Correia, José Fernando Modesto da Silva

Resumo


Aborda o tratamento da informação musical, sendo a selecionada neste estudo os documentos musicais impressos – que será denominado preferencialmente por partituras, no que tange a catalogação empregada nessa tipologia específica de informação segundo dois instrumentos biblioteconômicos definidos: o AACR2 e a RDA. Objetivou-se, essencialmente, explorar e explicitar as formas de representação descritiva de partituras abordada por cada instrumento respectivamente. A pesquisa assumiu uma abordagem qualitativa e delimitou-se como exploratório-descritiva. Quanto ao seu delineamento, o estudo se pautou no método de pesquisa bibliográfica. Como resultados apresentaram-se as diretrizes indicadas para a representação descritiva por cada instrumento analisado e como são efetivamente empregadas em uma partitura concomitante à discussão se esses processos abarcaram a representação de modo a atender as necessidades informacionais do público ao qual se destina. As conclusões apresentaram reflexões sobre os aspectos da utilização de cada instrumento na representação da informação musical contida nas partituras e em como esse tratamento informacional artístico é desenvolvido de modo a compreender suas especificidades e as demandas de seus usuários.

Palavras-chave


AACR2. Catalogação de partituras. Partituras musicais. RDA. Representação descritiva de partituras.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.