LEITURA DOS JOVENS NAS MÍDIAS SOCIAIS: O CONTEÚDO AO ALCANCE DO LEITOR

Johnathan Pereira Alves Diniz, Andréa Pereira dos Santos

Resumo


Discute-se as relações entre o leitor e o movimento das práticas de leitura promovidas pelas Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC’s). Aborda também, as possibilidades de leitura promovidas pelas mídias sociais. O lugar e o tempo são redefinidos e as práticas de leitura contemporâneas surgem para evidenciar as transformações sociais no campo da comunicação. A metodologia usada neste artigo parte do método qualitativo-descritivo, onde procura-se descrever os fenômenos pesquisados e analisar os dados obtidos por meio de pesquisa bibliográfica, investigando as práticas de leitura dos jovens. Diante desse cenário tem-se o foco direcionado às leituras dos jovens diante as mídias sociais e a importância da leitura na vida acadêmica. Ao trocar mensagens, postar conteúdos diversos, os jovens estimulam e praticam a leitura, mas uma leitura diferente, pois ela não é contemplativa, mas veloz, simultânea, acompanhando as demandas desses indivíduos. Enfim, é notória a percepção que as práticas de leitura na atualidade ainda têm grande predominância do suporte impresso, mas outras mídias estão ganhando espaço, entre elas as mídias sociais, proporcionando práticas de leitura interativas, onde o leitor também é produtor de conteúdo.

Palavras-chave


Leitura; Mídias sociais; Jovens; Práticas de leitura; Leitores.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.